Eu só quero é viver, esquecer os problemas, ou boa parte deles. sorrir sem ter motivo, estar perto de quem eu amo, errar, acertar, aprender, criar, me divertir. sonhar, realizar, desejar, cuidar, ter carinho, dar carinho, se doar. ter amigos de verdade, falar bobeira, ouvir a mesma música sem parar, rir lembrando o passado e não chorar pelo que passou. quero não ter medo, quero ser livre. viver feliz, curtir as pequenas coisas da vida. lamentar pelo que realmente importa ou nem lamentar, já não se pode mudar tudo. vou apenas seguir meu destino de cabeça erguida, de peito aberto. sendo eu mesma sem me importar com que os outros pensam, sem me importar com o que os outros falam. afinal, os outros, são só os outros ...*

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Existem derrotas, mas não existe o sofrimento. Um verdadeiro guerreiro sabe que ao perder uma batalha está melhorando sua arte de manejar a espada. Saberá lutar com mais habilidade no próximo combate.

Um comentário:

Luana Medeiiros' disse...

Lindas palavras e concordo com elas .
Bjão